terça-feira, 30 de junho de 2009

Over demanding....

Na vida a nossa satisfação é proporcional ao que desejamos da vida...
Nos últimos tempos oiço frequentemente os outros a dizerem.... oh mas isso já é bom.... e cá eu fico frequentemente com a sensação que não é o suficiente....
Mas depois dou por mim a pensar se alguma vez será o suficiente...
Claro que tenho os meus objectivos... que são efectivamente algo exigentes... mas será que se os meus objectivos fossem de menores dimensões eu iria me esforçar tanto como me esforço....
Será que a vida nos dá aquilo que desejamos ou na medida daquilo por que lutamos?
De que nos vale sermos exigentes... será que conseguiremos ficar satisfeito com menos daquilo que sonhámos?
O que será o suficiente.... e qual é o problema em ser-se exigente?

11 comentários:

ianita disse...

Já escrevi um post sobre esta sensação... (http://superianita.blogspot.com/2008/11/insatisfao.html)

Esta sensação de não estar satisfeita... ou de não ser satisfeita...

O que me parece é que a insatisfação não é inimiga da felicidade. Ou seja... podemos viver na insatisfação, querer sempre mais para podermos ser mais, mas sermos felizes com o caminho percorrido e com os objectivos alcançados.

Insatisfecta sum!! :)

PAULO LONTRO disse...

Não tenho a certeza de que alguma vez fiquemos satisfeitos por completo.
Algo me diz que quem luta pela satisfação total, lutará até à morte.
O mais importante é sabermos viver e aproveitar a satisfação que já temos sem que isso nos impeça de ir fazendo novas conquistas.
Aproveitar o dia-a-dia como se fosse o ultimo (onde já li isto…?)

Gata2000 disse...

há uns senhores que dizem que a vida nos dá em função do que pedimos, por isso e "just in case" eu peço sempre muito, e dou o melhor de mim.

spritof disse...

:)

mais um daqueles temas...




A satisfação depende do que conhecemos e aceitamos de nós próprios... será?

TM disse...

Ianita - E será que o caminho alguma vez terá um fim?
Onde é que nos levará tanta insatisfação....

ianita disse...

A insatisfação faz-nos evoluir... passo a passo... podemos não chegar ao fim da vida satisfeitos, mas chegaremos mais perto... será? eu quero acreditar que sim...

TM disse...

Paulo - Espero é não me perder em lutas e esquecer o que vou conquistando...

TM disse...

Gata - Pois.... como dizem por aí... pedir não custa...

TM disse...

Spritof - A satisfação depende de muitas coisas... e inclusive de nós próprios... mas não sei até que ponto o facto de nos conhecermos ou não nos traz satisfação...

TM disse...

Ianita - Eu também vou fazer o possível por acreditar nisso...

spritof disse...

conhecermo-nos bem ajuda-nos a centrarmo.nos no que realmente importa, ao invés de procurarmos lá fora o que, muitas vezes, já temos cá dentro.

a constante insatisfação resulta muitas vezes de nunca encontrarmos o que nos satisfaz, simplesmente porque não procuramos nos sitios certos, ou porque nem nos conhecemos e, por isso, nem sabemos o que precisamos.