terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Olhar....

Gosto de olhar para ti...
Fico deitada a teu lado e tento gravar na minha alma cada pedaço de ti....
Gosto de te observar... e fico a sorrir enquanto olho para ti....
Ontem vi os teus sinais... a tuas marcas do tempo...
Senti vontade de percorrer cada um dos teus sinais...
É tão bom ir te conhecendo assim.... Ir conhecendo os teus sinais... o teu olhar...
Não sei como te dizer tudo o que me fazes sentir.... porque as palavras parecem insuficientes... pequenas.... sem sentido...
E então olho para ti... deixo que os meus olhos te digam tudo o que sinto.... o que me fazes sentir... o que sou quando estou contigo....

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Eu queria...

Dizem que esta é a altura para pedirmos aquilo que mais desejamos...
Receio é que de serem tantos os meus desejos, alguns fiquem pelo caminho...
Eu queria fazer os ponteiros do relógio andarem mais rápido e já estar a terminar o meu curso...
Eu queria apagar todas estas confusões sem sentido que minaram a minha felicidade no último ano....
Eu queria poder estar com aqueles que amo mais tempo....
Eu queria ter as condições para embarcar em mais uma aventura...
Eu queria... e vou continuar a querer...

sábado, 19 de dezembro de 2009

Luzes....

No outro dia passei naquele largo....
A noite já tinha caido e as luzes de Natal brilhavam...
E de repente a minha memória levou-de de volta áquela noite... Eu procurava nos teus braços o calor que me aquecia naquela noite tão fria, e juntos olhavamos para aquela iluminação de Natal...
Naquela noite, o calor do nosso amor fazia-nos esquecer o frio que se fazia sentir...

E no outro dia, enquanto a minha alma navegava por tão doces recordações assaltou-me a certeza que como é bom estar ao teu lado...
Deixei-me invadir por todas as memórias que fomos criando neste tempo que é o nosso...
E como é bom criar estas boas recordações.... como é bom ser feliz e permitir que a felicidade nos traga momentos de paz e harmonia....

E enquanto as luzes brilhavam, a minha alma ia aquecendo com este sentimento que existe em mim....

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Artesanato...

Ele... sabes, hoje estive nas caldas..
Ela... ah sim, e que foste lá fazer?
Ele... fui lá servir de modelo...
Ela... oh, a sério? eu por acaso não sabia que eles faziam miniaturas...

mais tarde

Ela... então já decidiste ir viver para as caldas?
Ele... pois devo ir sim... afinal eles precisam de um modelo...
Ela... pois, e ainda por cima agora que eles estão a criar uma nova vertente do artesanato
Ele... ai sim, e qual?
Ela... a nano-artesanato!!!!

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

A pérola do dia...

Chego eu ontem ao meu carro, bem descontraida por ter acabado de sair do ginásio, quando vejo que alguém decidiu me deixar presa na vidro do carro, esta simpática mensagem:
"Se voltas a me impedir de entrar no carro furo-te os pneus"
E enquanto lia este mensagem surgiram-me algumas questões...
Então, se eu impedi a sua excelência de entrar no carro, porque é que já nem sua excelência nem o seu carro estavam lá?
E, já agora que culpa tenho eu de sua excelência e o condutor do outro carro terem-me deixado um espaço minímo para eu por o meu carro?

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

De comboio

"A vida de estudante é fácil se fores de comboio..."
Pois....
Quem me mandou vir estudar para um belo lugar à beira-mar plantado onde os comboios não chegam.....
Por estas e por outras é que a vida de estudante, para mim, não é assim tão fácil.....

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Num olhar....

Hoje, no meio de todas aquelas pessoas que tagarelavam sem parar, deparei-me com um olhar tão triste que não me consegui libertar daquela tristeza...
A minha intimidade com a dona daquele olhar é praticamente nula, por isso não me senti no direito de tentar saber o que se passava....
Mas quando é que temos ou não o direito a violar a privacidade de um momento de tristeza?
Onde vive a fronteira que nos indica se podemos ou não devemos intervir?
Naquele momento, eu apenas senti vontade de te dar o direito a que a tristeza do teu olhar transborda-se....
Naquele momento, eu que pouco mais sei que o teu nome, senti vontade de te abraçar.... de te apoiar nessa tua dor....
Hoje... num olhar.... num simples olhar.... a tua tristeza entrou em mim.... e eu não me senti no direito de te ajudar....

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Partidas... e chegadas....

É curioso como um simples lugar pode gerar tantas emoções... tantos sentimentos....
Este lugar, é um lugar de antagonismos.... um lugar de partidas... aquelas partidas que não são as nossas.... aquelas partidas que levam para longe de nós aqueles que amamos.... aquelas partidas que nos sufocam a alma....
Mas também é um lugar de partidas felizes... de partidas partilhadas.... de partidas para momentos de felicidade...
E no mesmo lugar acontecem também as chegadas... chegas que esmagam a saudade.... chegadas que trazem consigo abraços e sorrisos... chegadas carregadas de lágrimas que transbordam de uma alma sufocada pela ausência...
E é a este lugar que vou amanhã.... porque amanhã vou ao lugar das chegadas.... vou a este lugar ao encontro da minha tranquilidade....
Amanhã vou às chegadas....

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

O café e o sexo...

Existe uma teoria que diz que quem gosta de café é porque gosta de sexo....

E eu gosto de café.... se gosto...para mim nada como um bom café forte sem açúcar....
Mas a verdade é que o café me dá palpitações, fico toda suada e a tremer....

Bem.... pensando bem, o sexo também me traz esses efeitos secundários....

Pronto, parece que eu sou a prova dessa teoria....

domingo, 29 de novembro de 2009

Má da fita....

Pronto... acabou-se a paciência.....
Não tenho por hábito andar a fazer queixinhas, mas realmente sou muito nova para ter filhos tão crescidos, e andar a fazer trabalhos basicamente sozinha para os meninos ainda terem como prémio da sua irresponsabilidade uma boa nota, não é a minha forma preferida de ocupar o pouco tempo que tenho....
E agora sei que vou ser a má da fita por ter contado a verdade... mas a paciência tem limites.... e a minha esgotou-se....
Temos pena.... ou não.....

Mais tempo...

Às vezes no meio de todo este cansaço e esta correria, páro uns segundo e olho em volta....
Olho em volta e apercebo-me do que perdi pelo meio desta minha luta louca e desenfreada....
Olho em volta e vejo que perdi aquele momento que não volta....
Olho e aperta-se-me a alma, nesta angústia do passado que nunca mais será presente....
Sei que não podemos ter tudo na vida.... sei que lutar por uma coisa implica deixar outras para trás.... mas quando sinto que me descuidei no cuidado ao que mais amo.... Aí questiono-me sobre toda esta correria louca....
Queria tanto ter mais tempo.... mais tempo para viver e sentir....
Queria tanto.... mais tempo para respirar e sorrir.....
Queria tanto ter mais tempo.... mais tempo para amar e sonhar....

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Assombração....

Em alguns momentos eu realmente sinto-me desactualizada.....
Então não é que agora dá para receber assombrações via e-mail....
E mais fantástico que isso, eu sou desde hoje a feliz vitima de uma assombração norueguesa acabadinha de chegar via e-mail.....
Ah pois é.... queria voçês ser assim tão internacionais, que até assombrações de outros países vos caem em sorte....
Agora só me falta aprender a falar norueguês....
PS: E para os mais cépticos eu posso provar tudo isto, e acho que se negociar bem até vos posso emprestar a minha assombração....

domingo, 22 de novembro de 2009

Menino...

Eu... Então como é que se sente? Acha que já esta bem para ir para casa?
Ela... Sim, eu já estou melhor... e também quero ir para casa que tenho lá o meu bebé...
Eu... Pois, eu compreendo...
Ela... Assim, vou para casa e não fico preocupada com o meu menino, que tem 6 anos...
Eu... Oh...


Pois.... e depois admiram-se de os homens serem sempre crianças...

sábado, 21 de novembro de 2009

A memória....

É curioso como esta capacidade tão nossa funciona.....
Em alguns momentos parece ser tão dependente do tempo e noutros parece que o tempo nada pode contra a sua força....
A memória é aquele lugar especial onde acumulamos as mais doces recordações..... aquele dia em que subi a uma árvore apenas para me sentar nela a saborear os seus frutos, o sorriso na cara do meu avô quando eu chegava e me ia sentar no seu colo, a alegria contagiante da minha princesa, o conforto do teu abraço.... pedras preciosas que a memória vai acumulando em si....
A memória também guarda outro momentos, outras recordações sem tempo e sem maior importância que surgem sem motivo de maior...
E no meio de todas estas possibilidades que a memória nos oferece, nós parecemos ignorar a sua importância... o seu valor vital....
Afinal, o que seria de nós sem as doces recordações que a memória nos oferece....

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Saudade...

É uma palavra tão mística e tão intensa que parece impossível de lhe dar um sentido....
Traduz-se naquele vazio que uma memória de felicidade deixa em nós....
Nasce na distância daqueles que amamos....
Quantos não são os momentos da nossa vida que queriamos apagar este sentimento cruel....
Diluir a ausência em sorrisos e abraços....
Encolher este os continentes e oceanos que nos separam....
E tudo... tudo por causa da saudade.....
PS: Eu também sinto a tua falta....

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Ingrês....

Pior que passar 3 dias a ouvir um bando de portugueses a falar inglês... só mesmo terminar com um espanhol a tentar falar inglês....
Senhor que não se percebeu patavina....

domingo, 15 de novembro de 2009

Neste momento...

Neste momento, queria te dizer que não sinto um aperto na alma....
Neste momento, queria te dizer que a perspectiva destas semanas sem ti são algo suportável e de menor importância...
Neste momento, queria te dizer que as tuas palavras do outro dia não me ficaram gravadas.... queria te dizer que não vou sentir a tua falta...
Neste momento, queria te dizer que o meu corpo não anseia pelo teu...
Neste momento, queria te dizer que vou conseguir adormecer todas estas noites sem o calor dos teus braços a me envolverem...
Neste momento.... queria te dizer que a saudade não dói....

Mas neste momento tudo isso é mentira...
Porque neste momento, tudo o que quero dizer é que te amo... e que espero que o dia de estarmos novamente juntos chegue rápido....
Até já... meu amor...

Um anjo....

Olá Mamã.....
Sei que provavelmente não estavas á espera de ouvir de mim, mas sabes Mamã, ando preocupado contigo...
Mamã, eu sei que sou pequenino e ainda mal entrei na tua vida, mas é tão difícil para mim ver-te assim tão triste... sempre nervosa... sempre a chorar...
Mamã, quem é aquele homem que te fez mal no outro dia? Porque é que ele te fez todas essas feridas? Eu sinto que ele é importante para ti, mas porque é que deixaste que ele te fizesse aquilo?
Mamã eu amo-te tanto.... queria tanto poder olhar para ti e sorrir... dar-te força.... mas por agora só posso ficar aqui, dentro de ti, a crescer e a preparar-me para me aninhar no teu colo...
Não fiques assim triste Mamã.... por favor.... não fiques assim Mamã.... é só mais um bocadinho e eu vou aí para fora para te proteger...
Mamã, eu não quero que andes assim, nervosa, preocupada e triste....
Mamã, eu sei que gostas dele, mas não deixes que ele te faça mal novamente.... por favor Mamã... doeu tanto ver o quanto ele te tratou magoou....

Por favor Mamã, não deixe que ele te faça mal....
Por favor Mamã.... cuida de ti... cuida de nós....

Um beijo com muito amor, deste teu anjo da guarda.... o teu filho....

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Beber....

Por estes dias, lá para os lados da santa terrinha á beira mar plantada onde me dedico a queimar neurónios, decorre a tradicional semana do caloiro...
Até aqui nada de novo... até aqui nada de estranho.... porque acho que é perfeitamente normal os estudantes, como todas as pessoas, terem os seus momentos de diversão e de descompressão.... Aquilo que realmente não consigo compreender é que se tenha tornado uma moda que a diversão nocturna se faça acompanhar pelo coma alcoólico... e que sair á noite sem ingerir bebidas alcoólicas seja proibido....
A verdade é que não percebo essa necessidade de beber para que seja quem for se consiga divertir.... até porque como qualqer leigo deve perceber o coma não é o estado mais propício a qualquer divertimento...
Claro que não pretendo com isto julgar seja quem for, e muito menos dizer que acho errado a ingestão de bebidas alcoólicas.... Hei, eu não sou nenhuma santa, gosto de beber um bom vinho, uma cerveja gelada naqueles dias de calor, e outras quantas bebidas que aprecio quando para aí estou virada.... Porque se muitas foram as vezes em que em momentos de diversão bebi, muitos também foram aquele em que não o fiz e me diverti tanto ou mais....
E no meio de tudo isto continuo sem perceber, porque é que alguém bebe para se divertir.... como é que perdermos a noção de quem somos e do que estamos a fazer se pode tornar divertido.... como é que estarmos num estado de estupor quem não reagimos a nenhum estímulo pode ser considerado diversão....

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

... mas não cega!!!

Hoje, enquanto me deliciava com um post que um amigo dedicou a sua companheira, dei por mim a pensar naquelas coisas interessantes que nos permitem lavar os olhinhos de quando em vez....
Realmente, nunca tive prurido algum em elogiar um homem que me suscite pensamentos associados a uma actividade fisica que muito me agrada....
E claro que não é agora por ter ao meu lado alguém que amo que vou deixar de ver aquilo que se passa em meu redor....
Ainda no outro dia estavamos nós, eu e o Pilas, aninhados no sofá e lá apareceu no ecrã um desses homens dignos de uma maratona fisica mui mui interessante e lá se me escapou um piropo, que foi recebido um sorriso....
Pois é que eu posso ser comprometida..... mas não sou cega!!!
PS: Lontro.... continua com essas segundas-feiras durante muito muito tempo... que é muito bom lavar os olhinhos assim....

domingo, 8 de novembro de 2009

Perguntas...

Como é que se adquire o direito a ser mãe?
Onde adquirimos o direito a ser responsáveis por uma vida?
Será o facto de se gerar um filho que torna alguém em pai ou mãe?

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Amante....

Eu... sabes o que é mau no meu novo local de trabalho?
Ele... o quê?
Eu... qualquer dia arranjo um amante...
ontem foi o D. que me deixou toda derretida,
hoje foi o G. que se fartou de rir para mim....
S. estás em risco...

Ele... hein????
logo quando chegar a casa, vais-me explicar tudinho!!!!
tudo e tudo e tudo e......

(e para quem está a ficar preocupado o D. tem 1 mês e meio e o G. tem 5 meses...)

terça-feira, 3 de novembro de 2009

Duas Coisas...

"Porque eu acho muito difícil fazer-se duas coisas bem ao mesmo tempo."

Será?
Será que não podemos conciliar duas actividades?
Será que não podemos conciliar duas actividades, e dar o nosso melhor em ambas?

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Um ano...


Por meados de Outubro do ano passado um bom amigo meu dizia-me: Hum.... Tu e o S..... isso ainda vai dar alguma coisa.... E eu, longe de mim tal pensamento dizia-lhe que ele não estava a ver bem, que tal não era sequer provável....
O ano passado por estes dias nasciam em mim em série de sentimentos estranhos e inesperados, daqueles que traem o que desejá-mos para nós, daqueles que nos confrontam com um sentimento deliciosamente intenso....

Hoje... hoje fazes parte da minha vida de uma forma tão natural que parece que é a única forma que faz sentido....
Hoje... hoje olho estes meses que passaram que parecem uma eternidade de momentos serenos e felizes...
Hoje... hoje recordo com um sorriso aquele teu olhar tão mágico de intenso daquela longe noite... daquela mágica noite....

S., em alguns momentos acho que exagero na imensidão de vezes em que te digo o quanto és especial e importante para mim, mas lohgo no instante seguinte renasce a necessidade de te dizer o que sinto e como me fazes sentir....

E hoje S., hoje simplesmente quero te dizer que te amo... amo-te por este ano que passamos juntos, amo-te por tudo aquilo que me dás, amo-te pela forma como me fazes sentir especial....

Obrigado... meu amor....

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Palácio...

in 30 min

Tem 82 anos e vive sozinho num palácio com 800 quartos, e faz voluntariado na Basílica....
... e quando lhe perguntámos disse que nunca teve uma namorada....

Ele... Xiiii... coitado....
Eu... pois, vive num palácio daquele tamanho e nunca fodeu...

(Mais um momento em que as palavras sairam sem passarem pela censura)

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Pai....

Pai onde andas tu?
Porque não apareces tu para brincar comigo....
Ainda ontem antes de dormir tu estavas aqui a aconchegar-me na minha caminha e hoje não sei o que é feito de ti...
Gostava de saber perguntar á mãe, mas ainda nem sequer sei falar...
Não percebo o que se passa, ela ficou tão triste de um momento para o outro que parece que só sabe chorar, e todos os outros estão tristes também....
O que se passa Pai, que todos cuidam de mim mas ninguém parece sorrir... porque estão todos assim?
Vamos brincar com eles para que eles fiquem menos tristes? Vamos Pai?
Pai... onde foste tu Papá.....

Cansaço...

Ontem enquanto conversava com uma colega de trabalho, ela dizia que ainda agora que já passaram quase dois anos da fase em que estava a tirar uma especialização de 18 meses, enquanto trabalhava, ainda se sente cansada....
Na verdade eu em alguns momentos nem sei como é que me sinto... agora enquanto escrevo sinto-me exausta... anseio por uma cama, enquanto luto contra o sono que invade cada poro de mim...
Em muito momentos pergunto-me a mesma coisa que outros perguntam:
Como é que és capaz.....
Como é que consegues assistir a praticamente todas as aulas....
Pergunto-se se todos estes esforços valerão a pena... se valem a pena todas estas noites sem dormir... Sem valem a pena dias como os de hoje (que para mim ainda é ontem) em que trabalhei 16 horas e depois vim a acelerar para conseguir chegar a tempo ás aulas....
Tento não pensar no preço que pago por todos estes abusos, agarro-me ao sonho... á vontade de mudar e de crescer neste mundo que me parece tão meu....

Não são as palavras de espanto dos outros quando sabem que eu não dormi... não são os olharem de se espanto em saberem que não vou dormir....
Talvez seja simplesmente a teimosia... talvez seja simplesmente a vontade de fazer algo diferente...

Sim, também me sinto cansada...
Sim, por vezes pergunto-me como vou aguentar mais 2 anos... ou se chegarei ao fim deste semestre...

Mas a verdade é que se até agora não deixei que o cansaço me vença, não faço a miníma intenção de permitir que tal aconteça...
Não deixarei que o cansaço me evença, não antes de eu vencer o cansaço....

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Desculpa...

Hoje dei por mim a pensar nas coisas menos boas desta profissão que é a minha...
E na verdade nem pensei no facto de ser pouco, ou nada, reconhecida....
Não pensei no facto de ter pouco tempo para dar ás pessoas a atenção que elas merecem, e precisam...
Também não pensei na desigualdade que existe, nem sequer nas precárias condições daquele que é ainda o meu local de trabalho...
Hoje, fruto do cansaço que vou acumulando e desta horrível sensação que não consigo dar a atenção desejada aos que mais amo, dei por mim a pensar nesta coisa dos turnos rotativos...
Será possível que só agora nasça em mim esta frustração por não poder estar presente em todos os momentos...
Em tão pouco tempo de profissão (sim porque 4 anos são apenas o começo) já perdi a conta aos nãos que tive que dar, aos almoços de família em que não estive presente e aos encontros de amigos que faltei.... Para nem falar nos Natais em que saí mais cedo ou que apenas lá tive de passagem, um olá e um até depois...
E no meio de tudo isto, sinto cada vez mais a angústia de sair no momento em que apenas queria ficar enrolada num agraço... a angústia de saber que o teu tempo livre é aquele em que não posso estar presente...
Penso na minha angústia e nasce a necessidade de um pedido de desculpa.... por todos os momentos em que não estive e por todos aqueles em que nâo vou estar....
Desculpa....

terça-feira, 20 de outubro de 2009

Cama...

Quando o dia nos corre mal temos por hábito dizer que não deveríamos ter saido da cama....

Em dias que me correm tão bem como o de hoje penso, o que eu devia ter feito mesmo era ter ido para a cama....

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Perguntas....

Mas o que será que deu nas pessoas?
Afinal porque é que alguém deixa de ser quem é para se tornar um pesadelo na vida de outra pessoa?

Como pode uma relação que era um local de amor e felicidade, se tornar num vazio repleto de mágoas e sofrimento.....

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Ouvi dizer...

Nos últimos tempos a frase que mais oiço as pessoas exclamarem quando me encontram é:
Oh T, ouvi dizer....
E vez após vez lá vou eu confirmando que decidi arriscar.... que decidi aproveitar a oportunidade que me caiu no colo... que decidi optar por algum bem-estar e fortes probabilidades de um futuro mais tranquilo....
Sim, eu gosto mesmo muito do que faço....
Sim, eu adoro as pessoas com quem trabalho mais proximamente, aquelas que me ensinaram muito daquilo que sei e com quem partilhei 4 anos fundamentais da minha vida profissional....
Sim, eu não estava a pensar mudar....
Sim, eu não procurei esta oportunidade.....
Mas como disse o outro senhor, e eu concordo plenamente, eu prefiro me arrepender por aquilo que fiz do que por aquilo que deixei por fazer...
Por isso sim, ouviram dizer e ouviram bem....
Vou sair... vou mudar... vou seguir em frente.... e depois... depois logo se vai ver....

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Alguém me explica...

Alguém me explica para que é que isto serve?
Será que é para eu andar com um humor terrorível....
Será que é para eu andar cheíssima de dores....
Será que é para eu gastar dinheiro em tampões, pensos e afins....
Será que é para eu me sentir constantemente com vontade de tomar um banho....
Afinal para que é que serve a menstruação.... ainda por cima, como é uma coisa muito boa ainda aparece todos os meses.....
Como diz a minha querida Ci isto só devia aparecer quando a malta decidisse ter filhos.... Porque aí... aí a malta até conseguia encontrar uma razão....
Arg.........

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Conversas...

Olha e também há uma T.
F**** uma T. é que não.... T. como a puta que anda enrolada com o meu pai é que não....
Eu até nem tenho por hábito prestar atenção ás conversas alheias... eu nem sequer estou propriamente preocupada com os nomes que estavam naquela lista.... eu nem sequer estava a dar grande crédito ao rol de comentários tristes que aqueles pseudo-adultos estavam a fazer... mas será que ainda ninguém ensinou estes putos de hoje a pensarem que os desconhecidos que estão á sua volta podem não achar muita piada às suas opiniões....
Será que as pessoas ainda não chegaram à conclusão que quando falam até as paredes podem não gostar do que ouvem.....
E não, apesar de te ponderado fazê-lo não me levantei para dizer á pseudo-adulta que eu também me chamo T. e que talvez fosse inteligente ela filtrar os seus pensamentos infelizes antes de deixarem que eles se escapem pela sua boca...
Afinal de que serviria ser eu a lhe mostrar que devemos pensar duas vezes antes de falarmos.... sim, porque acredito que, a este ritmo, a vida lhe irá dar muitas oportunidades de aprender a importância de tal facto...

terça-feira, 6 de outubro de 2009

Arg...

Eu sei que eu gosto de comer.... mas 4 de almoço servem para?

A vontade de estudar esfumou-se.....
O meu ninho está demasiado longe para me ir enrolar no sofá....

Quem foi afinal a mente brilhante que fez estes horários terroríveis?

Arg....

No passado...

Ontem, algures no meio de um desabafo, uma amiga muito especial queixava-se de ainda se sentir demasiado presa a uma relação que gostava que existisse apenas conjugada no passado....
De uma forma mais ou menos consciente parece que apenas conseguimos nos libertar de alguém que nos trouxe aqueles sentimentos mais intensos, quando surge outra pessoa que os faz resurgir... renascer....
Mas será que não podemos nos libertar do passado enquanto não nos envolvemos num possível futuro?
Pessoalmente, sou da opinião que por melhor que consigamos conviver com um passado apenas nos libertaremos realmente dele quando nos deixamos envolver por um futuro....
Talvez seja apenas uma forma muito pessoal de viver as minhas relações... de conviver com os meus sentimentos... mas a verdade é que considero que existe uma grande diferença entre viver no passado e conviver com o passado....

A ti amiga.... que o teu passado te permita viver sem te sentires presa... que o teu futuro te traga a tua liberdade...

terça-feira, 29 de setembro de 2009

Oportunidade...

Existem momentos na nossa vida, em que as coisas surgem tão inesperadamente que a surpresa nos deixa zonzos...
Estava eu mentalizada que existem oportunidades que a mim não me cabem, e, de repente, a vida decidiu dar mais uma volta...
Um simples telefonema e todo o sono que sentia transformou-se numa agitação que deixou os meus neurónios a funcionarem a um ritmo alucinante...
A surpresa... as dúvidas... as questões...
... a oportunidade???

domingo, 27 de setembro de 2009

Perguntas...

quando for grande eu quero ser....

Como podemos nós saber aquilo que vamos querer ser no futuro?
Será que sabemos realmente o que existe para lá dos sonhos construídos?
Será que sei qual a realidade para lá do meu sonho?

domingo, 20 de setembro de 2009

Tortura...

"Why do you want to be with me? So i can kiss you whenever i want..."


Isso se nenhum dos dois tiver gripe....

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Opiniões...

"Costuma falar sobre assuntos sobre os quais não está informada?"
Não....
Algures no meio de uns testes psicotécnicos que tive recentemente que realizar surgiu esta pergunta, e se em muitas outras podem ter surgido algumas dúvidas quanto ao que responder, este não foi o caso....
Na verdade, se algo me deixa com algum prurido é ouvir pessoas a tentarem demonstrar possuir conhecimentos sobre um assunto que desconhecem, caindo no ridículo ao tentarem dar uma opinião perfeitamente infundada e incoerente...
Raios, não é muito mais inteligente remeter-se ao silêncio e apenar opinar quando se tem alguma informação....
Claro que para muitos pode ser interessante ouvir alguém, com capacidade de discursar com convicção sobre os meandros da economia vietnamita e sobre a composição do fundo oceânico na Fossa das Marianas...
Mas não será de desconfiar quando mesmo entre temas tão díspares surja sempre uma convicta opinião....
Se existe algo que me fascina são pessoas com uma vasta cultura geral e com as quais podemos conversar durante horas e existe sempre mais algum tema para discutir... ou até mesmo algo para aprender...
Mas se existe algo que me irrita são aquelas pessoas que pensam sempre que sabem tudo, e julgam que podem dizer o que bem entenderem porque os outros são burros o suficiente para serem levados pela sua conversa...
Porque todos temos direito a ter uma opinião... mas não é por isso que temos que gramar com a presunção daqueles que julgam saber opinar...

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Wherever....

Ele... i'm standing...
Eu... where?
Ele... wherever you are...

Hoje... quando um ano passou... quando estar ao teu lado é a coisa mais natural... quando fazeres parte da minha vida é tão fundamental como ter oxigénio para respirar...

Sim eu estarei aqui... hoje e durante todo o tempo que desejares....

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Vidas....

Hoje enquanto conversava sobre aqueles animais fantásticos que são os cães-guia, dei por mim a questionar o que afinal é isso da vida dos nossos amigos de 4 patas....
Afinal que sentido faz usar-se a expressão "vida de cão"?
Não tenho nadinha contra os bichanos... muito pelo contrário... mas que foi que se lembrou de usar a comparação com a vida deles com uma vida cheia de dificuldades e momentos complicados....
A vida de cão é, salvo algumas excepções que espero que sejam cada vez menos, uma vida cheia de mimo, de comidinha servida sem esforço, de passeatas, de brincadeiras e outras coisas boas...
Então por que raio usamos a sua vida para compara com a dos que trabalham imensas horas, são mal pagos e outras coisas que tais....
Sim, porque não tendo eu vontade de ter "vida de cão"... não me importava nada de ter vida de cão....

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Passados...

Nesta coisa das relações, existem muitos que dizem que o passado não interessa... que é algo que não se considera quando se pensa no futuro...
Mas será que podemos viver o futuro esquecendo o passado?
Será assim tão fácil conviver com alguém e esquecer completamente aquilo que foi a sua vida em tempos?
Pessoalmente, considero que é um erro quando tentamos partilhar a nossa vida com alguém, e em simultâneo, procuramos esquecer tudo aquilo que transformou essa pessoa naquela com a qual desejamos partilhar a nossa vida....
Nunca tive pudor em assumir as relações, pseudo relações e outras coisas que tais que fazem parte do meu passado... Afinal foi enquanto as vivi que me transformei na pessoa que sou...
Porque no meu passado acreditei ter amado.... porque no passado amei quem não me amou... porque no passado optei por não amar...
Como poderemos nós esquecer quem somos....
Todos nós temos um passado... ou então não seriamos quem somos... então porque não aprender a conviver com o passado, enquanto percorremos o nosso futuro....

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

Perguntas...

Será que existem perguntas que não se devem perguntar?

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Melodias para a alma....


Hoje fui dar um passeio pelos meus sonhos...´
Hoje deixei-me embalar nos sons da minha alma....
Hoje sonhei um pouco mais....

E hoje deixo aqui um pouco dos sons que ficaram na minha alma....

sábado, 29 de agosto de 2009

Perguntas...

De que nos serve a sensatez?
Porque não cedemos à loucura... ao desejo da aventura....

Frases...

"A diferença entre a Gripe e a estupidez é que a Gripe se pode curar e a estupidez não."

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Às vezes...

Às vezes gostava de deixar de sentir este aperto na alma...
Às vezes gostava de te gritar que já não sou uma menina...
Às vezes gostava que aceitasses a mulher que sou.... as opções que tomei....

Às vezes gostava de ouvir a tua voz a sorrir para mim....
Às vezes gostava de voltar ao momento em que ainda fazia parte da tua vida...
Às vezes gostava de não sentir esta revolta que a tua atitude fez nascer em mim.....

E em todas as outras vezes apenas gostava de apagar esta separação estúpida que a tua teimosia causou....

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Desnaturada...

Realmente eu sou um desastre...
Já cheguei á conclusão que me é praticamente impossível recordar a data do aniversário de seja quem for.... especialmente no próprio dia....
Já se tornou praticamente natural dar os parabéns a alguém com no mínimo uma semana de atraso....
Por essas e por outras é perfeitamente natural eu ter esquecido completamente o aniversário do cantinho...
Raios pelo menos era uma boa desculpa para trincar um bolinho....

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Sr Universo...

O Universo deve achar muito giro contrariar os nossos pedidos....
Deve realmente ser divertido fazer com que as coisas aconteçam fora te tempo...
Andei eu tanto tempo a dizer que queria fazer X, e quando já tinha desistido dessa aventura a oportunidade cai-me no colo....
Oh Sr Universo e agora que tal fazer com que o dia tenha mais umas horitas para eu conseguir aproveitar esta oportunidade, hein....

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Direitos....

Pedem-nos para compreender e aceitar outras culturas...
Pedem-nos para sabermos conviver com formas de ver o mundo diferentes na nossa....
Mas não sera pedir demais para compreender como a comunidade internacional financia um governo em que os homem podem condenar as mulheres à fome se não se sentirem sexualmente satisfeitos???
E eu nem sequer estou a falar de não as deixarem sair à rua.... de elas não terem direito a aprender a ler a escrever porque isso aí são outros assuntos....
A verdade é que me posso esforçar para compreender e aceitar muitas coisas... mas para algumas delas sinto-me completamente ignorante e sem capacidade para compreender....

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Atchim....

Claro que uma novidade é sempre uma novidade... e uma nova forma de ter gripe parece ser realmente fashion... ou não fossem todas as noticias que se faz por aí a essa gripe tão fashion que se descobriu por estes dias....
Afinal alguém me explica por que raio é necessário todo este alarmismo por uma gripe....
Eu bem sei que muito boa gente está convicta que um simples atchim é sinal de morte certa.... mas hei... não é bem assim.....
Digo isto convicta... afinal eu ando a espirrar à uma semana e fora o nariz a pedir férias ainda não estou para morrer...
Na verdade, todo este alarmismo que se gerou em torno de uma doença tão simples e banal é realmente ridículo.... e ouvir uma senhora já com idade para ter juízo, convicta que o mundo está prestes a explodir ao ritmo dos próximos espirros é realmente estranho....
Se ao menos quem está a lucrar com isto usasse os milhões que vai ganhar para curar doenças realmente graves... ao começasse pela mais simples de todas, a fome....

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Piloto Automático....

"eu... eu... eu adormeci..."

Ontem numa das incontáveis vezes em que conduzia em piloto automático esta frase atravessou os meus pensamentos....

De tantas noites em que engano o cansaço e dormiu é apenas um desejo.... de tantas vezes em que após percorrer kms dou por mim sem saber como cheguei ao destino.... de tantas vezes em que o automatismo é quem me conduz a mim.... surge a dúvida...
Será que em algum momento o piloto automático irá se desligar... no mesmo momento em que que própria me encontro desligada para a vida em redor....
Nesta perseguição de sonhos e vontades.... não abusamos nós da sorte?

Por mais um instante... por mais um km percorrido... para poder gozar mais um momento....

E num instante ainda mais curto.... por uma estupidez ainda maior... por uma displacência monstruosa...

Será que valem a pena tantos riscos por um instante?

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Lagartar....

Não que eu não goste de lagartar... não que eu não goste de sol e que pôr o corpinho ao sol...
Mas esta minha ligação intima com a lixivia.... e a tendência demasiado provável para virar lagosta.... fazem com que me faça alguma confusão aquelas pessoas que dedicam os meses inteiros de verão a tentarem ficar com aquele tom dourado que vai muito além do dos panadinhos da Iglo....
Á força de ter o termostáto avariado, o solzinho e o calor são sempre bem-vindos.... mas por mais que goste de lagartar.... não estaremos a ficar viciados no bronzear.....

domingo, 9 de agosto de 2009

Perguntas...

O que é o bem... e o que é o mal?
Será que se é mau por fazer algo de errado?
E será que seremos menos bons por fazer algo de mal?

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Perguntas...

Qual será a decisão mais acertada?
Aquela em que pensamos durante muito muito tempo... ou aquela que é nem sequer é pensada....

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Mulheres... de sucesso....

Algures no meio de uma conversa sobre as opções de vida de uma colega, dei por mim a pensar na coisas que nos deixam realizadas.....
Quais são os verbos em que se conjuga a felicidade de uma mulher....
Claro que não vou ser hipócrita e dizer que não desejo para mim a paixão por um ser pequenino.... mas pessoalmente não consigo imaginar a minha vida dedicada exclusivamente a essa vida....
Como poderá a felicidade de uma mulher depender exclusivamente daquilo que lhe dá outra pessoa....
Qual é o problema em desejarmos algo que sejamos nós próprias a conquistar....
Uma das mulheres que mais admiro é uma pessoa que, pelo menos na minha opinião particular, é muito bem sucedida profissionamente.... questiono-me sobre tudo o que ela terá abdicado para conquistar aquilo que possui....
Qual é o preço da felicidade....
Qual é o caminho para felicidade....
Será o sucesso sinónimo de felicidade....

terça-feira, 28 de julho de 2009

Espero...

"Dissimulas em mim o manto do teu olhar....
Na inocência de ti entregas a magia do teu esplendor...
Reencontro nas profundezas de mim a nostalgia da tua presença...
Abandono-me ao requinte da insensatez....
No meu amâgo a robustez da tua intensidade faz-se sucumbir....
A inexorável rendição envolve-me docemente...
Voltarás....e o teu brilho reflectido em mim tornará o mais insano dos instantes novamente racional..."

23 de Dezembro de 2007


Hoje quando todas estas palavras ganham um novo sentido.... hoje quando te espero...

A melhor.... e a pior....

Quem de nós nunca disse em criança: "Eu quando for grande quero ser..."
Mas, no mundo dos crescidos, a profissão que escolhemos é muito mais que aquilo que sonhámos em criança...
Quando somos pequenos niguém nos fala daquilo que realmente esta inerente a cada profissão...
E quando crescemos descobrimos que nem sempre aquilo que escolhemos para nós é aquilo que realmente imaginámos....
Na verdade, no mundo dos crescidos ansiamos por todos aqueles momentos em que a profissão é deixada para trás e podemos gozar alguns momentos de liberdade.... Sofremos com a crise existencial que marca cada um dos domingos e vivemos o resto da semana a ansiar pela doce sexta feira....
Curiosamente a profissão que exerço está a anos luz de ser um sonho de criança... surgiu do nada, e foi uma profissão pela qual me apaixonei...
Idealmente, desejamos uma profissão que nos deixe realizados... uma profissão pela qual sejamos reconhecidos e dignamente recompensados... uma profissão que não sufoque os nosso tempos livres.... uma profissão que nos dê tudo aquilo com que sempre sonhámos, ou quem sabe até um pouco mais....
Então como podem me olhar com estranheza quando demonstro que não tenho uma profissão perfeita...
Será de estranhar eu me sentir triste com todos os fins-de-semana, feriados e noites perdidas longe daqueles que amo?
Será ridículo eu sentir que não sou devidamente reconhecida, para não falar do estupidamente mal recompensada....
Claro... eu não trago para casa trabalho do trabalho.... mas será que alguém vê todos os fantasmas que a minha alma carrega cada vez que sai daquele sitio....
Sim... eu apaixonei-me pelo que faço... e sei que no dia em que abandonar esta profissão uma parte muito importante de mim ficará para trás.... mas será assim tão difícil compreender esta necessidade de mudar....
E por tudo ista a minha profissão é a melhor.... e a pior do mundo....

sábado, 25 de julho de 2009

Retoques...

Hoje algures numa conversa sobre fotografia discutia-se o que se tornou um hábito corrente, ou seja, todos os retoques que são dados em 99,99% das fotografias para que se atinja aquilo que muito consideram a perfeição...
Mas será que alterar a realidade vai tornar as coisas mais perfeitas ou mais falsas?
Na verdade apesar do prazer que tiro em tentar captar momentos através de uma objectiva, numa senti qualquer motivação que me levasse a usar aquela varinha de condão que é conhecida por Photoshop....
Da mesma maneira em que raramente uso maquilhagem, porque me sinto confortável com a pessoa que sou, prefiro ver a realidade menos perfeita por uns instante, que uma beleza irreal e inverosímil....
De que nos servirá admirar o belo que não existe....
Se queremos captar e recordar um momento, porque captar um momento que nunca existiu realmente....
Mas isto tudo sou eu que prefiro a realidade.... simples e pura...

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Na testa...

Tomei banhinho antes de sair de casa....
Vesti uma roupa lavadinha....
Estava limpinha e composta....

Mas afinal porque raio é que todos decidiram olhar para mim com ar que eu tinha um sinal luminoso na testa????

(Eu até confirmei ao espelho quando cheguei a casa....)

quarta-feira, 22 de julho de 2009

Humanidade....

Ás vezes olho o mundo em meu redor e fico assustada....

"aos 8 anos foi mutilada (excisão do clitóris) e aos 12 foi mãe...."

Por mais que saiba que todos somos diferentes.... que existe uma infinitude de culturas.... continuo sem perceber o que é isso de sermos humanos....

terça-feira, 21 de julho de 2009

Preocupante...

Olho em redor e vejos coisas que me preocupam....
Será que hoje em dia é normal uma criança de 12 anos jogar ao "Organized Crime"....
Será normal nas séries dos miúdos eles andarem constantemente enrolados em cenas demasiado sugestivas....
Será normal vivermos numa sociedade em que os amigos são pouco importantes e o dinheiro seja o que mais vale....
Fará sentido eu me sentir assim preocupada ou serei apenas old fashioned....

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Vida alheia...

Não fosse eu aquela pessoa que está tão interessada na vida alheia como em ter um enxame de abelhas a voar atrás de mim, a vida dos maravilhásticos personagens com quem convivo no meu local de trabalho poderia até ter algum interesse...
Mas na verdade eu sou aquela pessoa que é surpreendida com a novidade de a X está grávida, quando elá afinal já pariu...
Claro que no meio dessa minha desantenção e desinteresse, o rol de novidades que as minhas simpáticas colegas partilharam comigo hoje durante a hora de almoço me foi qb indiferente....
Mas quando as deixei envoltas naquela conversa animada para voltar ao trabalho dei por mim a pensar.... será que elas falam sobre a minha vida com o mesmo entusiasmo?
Não é a opinião alheia, e principalmente a delas, tenha grande importância para mim, mas é que está calorzinho suficiente para a misses andarem a me tentar aquecer as orelhas....

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Passos...

Na nossa vida existem um conjunto de decisões que apenas nós poderemos tomar.... apenas nós poderemos escolher o caminho a tomar... e fundamentalmente apenas nós o poderemos percorrer...
Mas como poderemos nós ficar descansandos vendo a inércia daqueles que mais são importantes para nós...
Claro que não tenho a ilusão que poderemos ser nós a percorrer o caminho de outra pessoa... que podemos fazer as suas escolhas... porque não podemos viver as suas vidas...
Existe uma angústia que ganha força na inércia daqueles que amamos.... existe um desencanto nos acontecimentos que não se tornam realidade...
Será que é correcto induzirmos alguém a percorrer o caminho que desejamos... aquele que consideramos com o melhor...
Quando o tempo se escorre entre os nossos dedos e aqueles que amamos continuam longe de nós... como poderemos conviver com os gestos que não existiram.. com os passos que não percorreram...

terça-feira, 14 de julho de 2009

Animal

Ele... Ainda estou para saber o que seria de voçês mulheres se não fossemos nós...
Ela... Encontravamos outro animal para domesticar...

segunda-feira, 13 de julho de 2009

Acreditar....

E eu quero ser feliz.... eu acredito na felicidade.... simplesmente porque acredito na minha felicidade, a tua existência envolve-me e o sonho é real....
.........
Nos teus braços existe uma magia especial....
Aos meus ouvidos sussuras a pureza dos momentos de felicidade que o futuro nos reserva...
Da forma mais docemente suave percorres com as tuas mãos cada recanto da minha alma....
Perdida na tua força serena, o nascer do sol perfeito subitamente abandona o reino da utopia para brilhar reflectido no teu olhar....
Algures no amanhã as nossas almas existem contrariando a impossibilidade que tantos ditaram....
.....................
Lentamente abro os olhos e tu continuas a existir.... a magia que partilhamos não é uma surreal utopia, mas simplesmente o fruto delicioso da vontade de se ser feliz....

6 de Dezembro de 2007

Perguntas...

Será que as palavras perdem significado se as dissermos muitas vezes?
E será que por apenas as dizermos poucas vezes, algumas palavras ganham mais significado?

sexta-feira, 10 de julho de 2009

3 da manhã....

Ela... acabo de apanhar um valente susto...
Eu... então?
Ela... o meu marido telefonou-me a esta hora... não é normal não é... fiquei logo preocupada e pensar que tinha acontecido alguma coisa
Eu... mas está tudo bem certo?
Ela... sim... acordou com uma gaja a gritar.
Eu... a gritar?!?
Ela... sim.... estava uma gaja a gritar no jardim em frente da casa!
Eu... no jardim?
Ela... sim... a gaja estava no jardim com um gajo... (a fazerem aquilo que até os bichinhos gostam de fazem... e a gaja às tantas começa a gritar...
Eu... oh ok....

3 da manhã... heiiiiiiiiiiii.....

quinta-feira, 9 de julho de 2009

A realidade e a utopia....

Neste mundo em que vivemos existem um sem número de pessoas cheias de boas intenções.....
O curioso dessas pessoas é que a grande maioria delas parece viver num mundo de utopia....
O melhor exemplo disso são aqueles que se chamam de políticos... aqueles que sonham com leis, algumas das quais até são realmente interessantes... mas se aplicadas a uma realidade que não a nossa....
Será que as pessoas que gostam de mandar já pensaram em conhecer a realidade antes de tomar decisões...
Num mundo utópico, as condições ideais tornariam as ideias simplesmente fantásticas.... e a concretização das mesmas simples e rápida...
Na nossa realidade, as ideias potencialmente fantásticas... tornam-se quase impraticáveis.... e aquilo que seria útil traz-nos uma infinitude de problemas....
Será que no mundo utópico desses senhores não existe um noção de realidade que torne possível concretizar as ideias....

terça-feira, 7 de julho de 2009

Teimosia e orgulho...

Obviamente já perdi a ilusão da perfeição há muitos anos...
No entanto, no meio de tantos seres perfeitamente inperfeitos existem características que tornam as pessoas menos perfeitas....
A mim, a teimosia e o orgulho já me trouxeram uma série de momentos menos agradáveis...
Claro que sei perfeitamente de onde vieram essas características maravilhásticas, ou não tivessem sido mais que muitos os momentos em que a teimosia e o orgulho foram os protagonistas na relação com os meus progenitores....
Em alguns momentos, dou por mim a pensar em como seria a minha vida se eu não tivesse impressas em mim essas características....
Entre outras motivações muito significativas, a teimosia e o orgulho estiveram presentes numa das decisões mais importantes da minha vida.... e não me encontrando na situação que vejo com ideal, não me arrependo de ter herdado dos meus pais a teimosia... o orgulho... e no fundo a motivação que me levam a lutar pelos meus sonhos e pelas minhas opções....
Na verdade... sei que a pessoa que sou deve-se ao facto de ter impressas em mim essas características.... e ainda que tendo passando por alguns momentos mais desagradáveis por ser assim não lamento tal facto....
Porque a perfeição é uma ilusão.... e porque a teimosia e o orgulho não são necessariamente defeitos....

sábado, 4 de julho de 2009

Romântico?

Ela... Gosto tanto de ti... muito mesmo....
.... há tantas coisas que eu quero partilhar contigo....
Ele... ai sim... e queres começar por onde?


mais tarde....


Ela... muitas vezes dou por mim a pensar em como será...
Ele... então vai ter uma cabecinha, dois bracinhos, duas perninhas....

sexta-feira, 3 de julho de 2009

Humanos?

Este post conta a história de um pequeno lutador...
Lutou contra a sua mãe que dizem ser humana... lutou contra os probabilidades.... e sobreviveu....

E depois dizem que nós somos humanos....

Cores...

Eu... E que tal? Fica-me bem?
Ele... Sim... eu já te tinha dito que o cor de laranja te fica bem....
Eu... Pois claro... mas isto é cor de rosa...

quinta-feira, 2 de julho de 2009

Miséria....

Nós... priviligiados... somos frequentemente inundados com imagens de pessoas a viver em condições miseráveis por esse mundo fora...
Mas será que a miséria não vive ao nosso lado?
Obviamente não pretendo que esqueçamos essas pessoas que não têm uma infima parte daquilo que nós temos...
Mas quando nos preocupamos em doar para pessoas que sofrem noutros países... não estaremos nós a ignorar todos aqueles que vivem em dificuldades mesmo ao nosso lado...
Em tempos percorri algumas ruas da nossa capital... e nunca esquecerei a miséria que vi escondida....
Como poderiamos nós não ignorar a miséria que fica encondida...
Como poderiamos nós não ignorar a miséria que não nos é apresentada em campanhas e reportagens...
O provérbio é antigo... e diz... olhos que não vêem... coração que não sente....
Então... como poderiamos nós não ignorar a miséria que os nossos olhos não vêem...

quarta-feira, 1 de julho de 2009

Oportunidades...

Por estes dias olho em redor e procuro oportunidades....
Na verdade, por mais que ame o meu país, sinto-me cansada de viver num mundo que parece que nem anda nem desanda....
Será da crise? Ou será simplesmente esta sociedade em que apenas segue em frente às custas de aparências e factor C....
Claro que tenho a noção que estou numa posição bem mais favorável que um número quase infinito de pessoas... mas não consigo me conformar com este futuro castrado que parece que foi o único que nos restou....
Nunca pus de lado a hipótese de embarcar nesta ou naquela aventura, para ter no destino um futuro melhor... No entanto, sei que fazer essa viagem implica pagar um preço muito elevado, até porque já vi em filme em primeira fila...
Mas que futuro posso eu ter, se para conseguir ir trabalhar e para conseguir lutar pelo meu sonho tenho que viver presa a esta ou aquela prestação....
Como posso eu sonhar com o meu espaço, se a eternidade que passará até ser realmente meu, vai terminar comigo já demasiado cansada para poder usufruir dele...
Não faço a minima intenção de desistir dos meus sonhos... mas pergunto-me de que valeu estudar uma vida, se na profissão que exerço o reconhecimento é praticamente nulo e a carreira nem sequer existe....
Como podem questionar a nossa desilusão... se vivemos num mundo em que as oportunidades são escassas ou praticamente inexistentes...
Como podem criticar quem arrisca a segurança do que conhece pela oportunidade de um futuro melhor?

terça-feira, 30 de junho de 2009

CV...

"O governo português está a analisar os CV dos prisioneiros de Guantanamo para seleccionar os prisioneiro que virão para Portugal."

Hum.... qual será a experiência profissional necessária para vir para o nosso cantinho?
E será que os Curriculums estão segundo o modelo europeu???

Over demanding....

Na vida a nossa satisfação é proporcional ao que desejamos da vida...
Nos últimos tempos oiço frequentemente os outros a dizerem.... oh mas isso já é bom.... e cá eu fico frequentemente com a sensação que não é o suficiente....
Mas depois dou por mim a pensar se alguma vez será o suficiente...
Claro que tenho os meus objectivos... que são efectivamente algo exigentes... mas será que se os meus objectivos fossem de menores dimensões eu iria me esforçar tanto como me esforço....
Será que a vida nos dá aquilo que desejamos ou na medida daquilo por que lutamos?
De que nos vale sermos exigentes... será que conseguiremos ficar satisfeito com menos daquilo que sonhámos?
O que será o suficiente.... e qual é o problema em ser-se exigente?

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Ora pois...

E que bela maneira de começar as férias...
Numa cidade fantástica....
Na companhia de pessoas simpáticas, divertidas e excelentes companhias....
E claro com uma ajudinha do Saint Peter que só me lavou os pézinhos à noite....

Foi bom sim.... muito bom....

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Finalmente...

Um ano depois...
Muitas horas a queimar neurónios...
E depois de muitos dias de trabalho de deixar a malta completamente ko...
De meses sem folgas, fins-de-semana ou similares....
Finalmente chegaram... AS FÉRIAS!!!!!

quinta-feira, 25 de junho de 2009

Partilha...

Ontem vi um casal....
Ele caminhava com a firmeza de quem já enfrentou uma vida...
Ela apoiava-se nele com a confiança de alguém que partilhou uma vida...
Nos seus cabelos brancos de ambos um passado cheio de histórias e repleto de momentos...
E no coração de ambos uma vida repleta de felicidade partilhada...

quarta-feira, 24 de junho de 2009

Pendurado....

... Hey... mas afinal o que fazes tu sem roupa...
... Então tirei o robe a agora vou vestir o pijama...
... Mas tu achas bem estares assim sem roupa por baixo do robe...
... Então eu quando saí do banho ainda estava molhada por isso vesti só o robe... e agora que sequei vou-me vestir...
... Mas tu achas bem isso?
... Qual é o problema?
... O problema é que andas a provocar o robe e agora deixas o pobre pendurado....

terça-feira, 23 de junho de 2009

Tu....

Em alguns momentos dou por mim a pensar no teu sorriso....
Fecho os olhos e sinto a envolver-me aquele doce sentimento que apenas tu me consegues trazer...
Nunca te menti... tu és o princípe que está muito longe de ser aquele princípe que pensei que seria o meu...
Mas tu.... Tu és o meu principe...
Apenas tu me trazes esta paz....
Apenas tu me trazes o sorriso ao acordar quando sinto o teu amor....
Já deixei de tentar explicar este sentimento que me inunda....
Apenas um sentimento pode explicar esta sede que sinto de te ter junto de mim....
Tu és o meu princípe... e eu.... eu apenas quero continuar a ser tua...

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Só mais um...

Pronto a maratona está a chegar ao fim....
Só falta um turno...
Apenas mais um teste...

E daqui a 5 dias finalmente estarei de férias....
Até lá, estuda-se Bioquimica e vou esperando que o santo do senhor professor não se lembre de fazer mais algumas perguntas brilhantes no teste....
Sim, porque isto de ter um professor que pergunta porque é que nós não podemos comer madeira não é para todos...

sábado, 20 de junho de 2009

Mais perto ou....

... Mais longe....

Em alguns momentos da nossa vida os objectivos pelos quais lutámos durante um longo período parecem subitamente afastar-se.... e nem sequer conta o facto de o calendário nos dizer o contrário... nem as tarefas a desempenhar estarem a ser cumpridas com relativo sucesso....
Hoje é um desses dias....
O cansaço apoderou-se de mim, e os meus olhos não estão em sintonia com a minha caixinha das ideias quando tento estudar....
Como poderemos nós explicar o facto de nos estarmos a aproximar de uma meta e sentirmos que ela se afasta?
Na verdade, a minha vida mudou substancialmente desde que me meti nesta aventura.... e nem por isso senti diminuir o meu sonho ou a minha vontade... mas a verdade é que agora tão perto de terminar mais um semestre sinto um cansaço tremendo a apoderar-se de mim....
Lembro-me das palavras de uma amiga a quem questionava o facto de ela estar a ficar cada vez mais desesperada e ansiosa, apesar de apenas faltarem alguns dias para voltar a estar com aqueles que amava, depois de vários meses.... Hoje compreendo o sentimento dela melhor que nunca... Saber que falta pouco... mas que esse pouco é ainda o que nos separa daquilo que desejamos...
Sei que depois de vários meses... de imensos trabalhos e uma boa dose de testes.... chegar ao momento em que apenas faltam 2 testes e 6 dias, que me separam de umas férias tão desejadas deixa-me ainda mais cansada... mas ansiosa....
Claro que sei que o tempo está a passar.... claro que sei que me estou a aproximar do meu objectivo.... ~
Mas apesar de estar mais perto.... sinto-me ainda tão longe...

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Caminho da loucura....

Como saber que estamos a caminho da loucura?

Quando ao prepararmos o molho para um peixe nos entretemos a perceber se os ingredientes têm ou não afinidade química uns para os outros....

Ah.... os oregãos são hidrofílicos....
E a pimenta também....

O contrário de estar vivo...

Em tempos, uma determinada senhora não muito brilhante afirmou que estar morto era o contrário de estar vivo... É óbvio que a senhora não é propriamente a mais brilhante das mentes, e nem sequer esperamos que a sua cabecinha qb oca compreenda as nuances de toda essa situação....
Nos últimos tempos muito se fala da opção de não viver.... ou até mesmo da opção dar por terminada uma vida que desde há muito tempo deixou de o ser.... Pessoalmente, não consigo ter uma opinião definida sobre um tema tão delicado, porque à semelhança de outros temas controversos, a decisão sobre uma vida que não a minha é algo que não sinto que esteja no direito ter....
Ainda assim... e porque morrer não é o contrário de viver... sinto que muito mais importante que toda uma discussão sobre se alguém tem direito a decidir sobre a sua própria vida... é o facto de em demasiados momentos se prolongarem vidas que já nem sequer o são à custa do sofrimento de alguém a quem não é dado o direito a decidir....
Eutanásia... testamento vital.... opções (supostamente) tomadas por pessoas sobre a sua vida ou a de alguém que amam.... e aí o nosso direito a opinar é infimo....
E a distanásia.... e todas aquelas tentativas ridículas que se fazem para prolongar a vida que alguém que já não têm sequer viabilidade..... para não mencionar qualidade de vida....
À força de tanto conviver com o sofrimento dos outros, dei por mim a não temer a morte mas a ter pavor do sofrimento pelo qual muito têm que passar para a conquistar...
Será que temos o direito a manter uma vida simplesmente pelo valor da vida....
Lamentavelmente, já vi em primeiro plano a tomada de decisões que não considero apenas erradas, mas acima de tudo egoístas e ridículas....
Será que é assim tão difícil compreender que o mais importante é que a vida seja vivida com o minímo de dignidade possível...

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Perguntas...

O que é a vida?
E a morte.... o que é a morte?
Será que apenas morremos quando deixamos de estar vivos?

If you were a sailboat

If you're a cowboy I would trail you,
If you're a piece of wood I'd nail you to the floor.
If you're a sailboat I would sail you to the shore.
If you're a river I would swim you,
If you're a house I would live in you all my days.
If you're a preacher I'd begin to change my ways.

Sometimes I believe in fate,
But the chances we create,
Always seem to ring more true.
You took a chance on loving me,
I took a chance on loving you.

If I was in jail I know you'd spring me
If I was a telephone you'd ring me all day long
If was in pain I know you'd sing me soothing songs.

Sometimes I believe in fate,
But the chances we create,
Always seem to ring more true.
You took a chance on loving me,
I took a chance on loving you.

If I was hungry you would feed me
If I was in darkness you would lead me to the light
If I was a book I know you'd read me every night

If you're a cowboy I would trail you,
If you're a piece of wood I'd nail you to the floor.
If you're a sailboat I would sail you to the shore.

terça-feira, 16 de junho de 2009

Contas de sumir...

Pronto!!!
Último relatório entregue!!!!
Já "só" falta apresentar um trabalho e 3 testes....


E só faltam 10 dias para as FÉRIAS!!!!!

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Simpático....

Vinha eu de mais um teste, a tentar resistir à tentação de chegar a casa e ir arejar os neurónios, em vez de os ir esturricar mais um bocadinho com um relatório, uma apresentação e a matéria do próximo teste....
Não é que o Saint Peter é amigo!!!
O velhote anda cansado e qb afectado pelo Alzheimer, mas decidiu que eu preciso de me dedicar aos estudos, e daí mandou uma chuvinha para eu estar aqui a estudar sem ficar deprimida com o meu cansaço e o bom tempo lá fora...
Agora está a chover e eu lá se foi a ideia de ir apanhar sol...
Tão simpático que é o Saint Peter....

Pequenos grandes milagres...

"Na grande maioria dos dias da nossa vida nem sequer nos damos os trabalho de olhar em redor e ver as maravilhas q no rodeiam...
Hoje é um dia especial... Hoje o universo decidiu nos presentear com um pequeno grande milagre... No preciso momento em q escrevo estas palavras a lua esta mais tímida q o normal....

Alguém disse que a natureza é perfeita e eu concordo... E se cada um de nós olhar em seu redor poderá confirmar que isso é verdade...
No universo a cada instante repetem-se novos milagres... novos pequenos grandes acontecimentos, e tudo o que temos q fazer é estar atentos para os podermos viver!!!
Hoje, no dia em que tantos de nós apreciamos este acontecimento fabuloso eu deveria estar triste... na natureza em que eu me encontro deu-se o fim de um ciclo...
Mas por mais que eu pudesse estar triste a grandiosidade do pequeno grande milagre que vivi a teu lado impede-me de o fazer...
Como poderei estar triste porque o eclipse da lua terminou se a beleza de tal acontecimento vai perdurar pra sempre na minha memória...
Neste universo em que vivemos todos os dias acontecem pequenos grandes milagres... tudo o que nós podemos fazer para os aproveitar ao máximo é viver o hoje com a certeza que serão as recordações dos belos momentos de hoje que nos iluminarão o sorriso amanhã...
Hoje é o eclipse lunar... Amanhã terá terminado... Mas amanhã eu vou ter na minha alma a beleza daquilo que vivi hoje...
Então amanhã não estarei triste porque não haverá eclipse, porque quando fechar os olhos terei para me reconfortar a alma a magia que vivi hoje..."

3 de Março de 2007

sábado, 13 de junho de 2009

Um menino...

Ela... ai que tu és tão simpática...
que o senhor te dê um menino loirinho, de olhos azuis e 1,80 m de altura...
Eu... oh não é preciso
eu já tenho um baixinho e rondinho
e gosto muito dele!!!

terça-feira, 9 de junho de 2009

Teoria da Conspiração...

Nos últimos tempos alguém deve ter decidido que está na altura de eu me aventurar numa nova etapa da minha vida...
Desde uma piquena de 5 anos, passando pelos amigos e pela família todos decidiram que eu deveria experimentar essa coisa da maternidade...
Giro, giro é quando agora está aqueles que nem sei bem se conheço sugerem o mesmo...
Mas afinal....
Não é que não considere a hipotese... não é que eu não adore os piquenos... mas cada coisa a seu tempo...
Então por agora meus caros.... fico-me pelos treinos...
(é que a coisa quando acontecer tem que ser perfeitinha por isso é muito importante treinar muito.......!!!!!)

segunda-feira, 8 de junho de 2009

3 semanas....

Já só faltam 3 semanas....
Três semanas para dividir por 4 testes.... 2 relatórios... e 1 apresentação....
Ai e a vontade de estudar....
Onde anda ela????

My deep blue....

Hoje.... no dia dos lugares mágicos....

Dia Mundial dos Oceanos.....

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Perguntas...

Será que apenas poderemos aceitar aquilo que compreendemos?
Será possível conviver com algo que vai contra aquilo que nós somos?

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Ele não quer....

Qual poderá ser a nossa reacção quando ouvimos isto da boca de uma mulher...
Ele não quer e uma vida deixa de existir....
Ele não quer e eu sozinha acho que não consigo...
Será que é preciso conseguir? Conseguir o quê?
Ele não quer e as tuas palavras ocoam na minha alma....
Ele não quer, tu não consegues e eu recordo aquela força de viver...
Tinhas pouco mais de 600 gramas e eras a prova de como a vida merece ser vivida....
Será que hoje continuas a ter a mesma força de viver.... será que hoje sorris como eu sorri ao te ver lutar....
Ele não quer... a ti também alguém não te quis... mas tu tiveste a oportunidade que o destino não dá a todos....
Tantos querem... mas ele não quer....
Ele não quer... ela não consegue... e o destino está ocupado com tantos outros que ninguém os quer... e tu... tu nunca o chegarás a ser....

domingo, 31 de maio de 2009

A verdade...

Eu... tens mesmo a certeza disso?
Ela... foi o que ele me disse....
Eu... e foi isso que tu viste nos olhos dele?
sabes que nós nem sempre dizemos a verdade certo...
....

nas relações com os outros muitas vezes escondemos a verdade para nos protegermos....
Ela... talvez....

sábado, 30 de maio de 2009

Para ti...

Vai um(Achei que ias gostar do presente... Apesar do ligeiro atraso.... )

O sonho comanda a vida....

"and so they say...

they say that dreams are powerfull... they say they lead your life...
and i now why they say it.

i have a dream. only one. just a single wish that rules my live. a single desire. it's only one but it means the world to me...
cuz of him walk every steep... cuz of him i breathe... cuz of him a live day after day....
cuz it comand's my life...
as they say..."
12 de Agosto de 2006

sexta-feira, 29 de maio de 2009

E descansar???

São 9 horas da manhã.... já passsa....
Estou um bocadinho muito atrasada para as aulas que começam daqui a menos de 1 hora... considerando que demoro mais de 5o min a chegar á escola...
Estou acordada desde as 7.30 e deitei-me passavam das 5....
A parte boa.... 2 relatórios despachados e prontos para entregar...
A parte má.... ainda faltam 5 testes, 2 relatórios e 2 apresentações até ao final do semestre.....

Alguém me explica quando é que vou poder descansar???
E dormir.... já agora também era giro poder dormir....

quinta-feira, 28 de maio de 2009

Perguntas...

Se a tristeza é algo tão desagradável porque é que alguns insistem em a viver?

quarta-feira, 27 de maio de 2009

De Luxo...

Andava eu nas lides de gata borralheira quando não é o meu espanto...
Afinal eu sou chique....
Ah pois é... aqui a gata borralheira é a proprietária de um artigo de luxo...
Sou a orgulhosa proprietária de uma "pá para lixo de luxo"...
Agora estou é um pouco confusa porque não sei se é a minha pázita que é de luxo ou é o meu lixo....
Será que sou assim tão chique que até o meu lixo é de luxo????

domingo, 24 de maio de 2009

Sobrevivendo....

É curioso como o tempo passa e alguém entra na nossa vida de uma forma tão intensa, que nos parece que a nossa existência apenas faz sentido na sua presença....
Claro que por mais intenso que seja o nosso sentimento, a nossa vida não pode depender a presença de outra pessoa.... claro que mesmo no momento mais tortuoso do caminho nós sabemos que de uma forma ou de outra iremos sobreviver.....
E então como explico eu o vazio que se apodera do meu coração?
Perdi a conta às vezes que tentei me convencer a mim própria que estes dias vão passar rápido.... que em menos de nada vou novamente me aninhar nos teus braços....
Então como explico eu esta minha apatia aqui perdida no nosso recanto....
Olho em redor e espero que por artes mágicas entres pela porta e tragas contigo a magia que aqueçe o meu corpo e a minha alma....
Claro que eu vou sobreviver...
Mas era tão bom não precisar de o fazer....

Muito tempo

Ela... Oh menina.... sabe me dizer quando é que o oxigénio vai acabar?
.....

Eu... Daqui a muito muito tempo espero eu....

quinta-feira, 21 de maio de 2009

Perguntas...

Quando é que o tempo será suficiente para podermos efectivamente viver?
Quando é que teremos tempo para sentir?
Será a nossa vida assim tão dependente do tempo?

quarta-feira, 20 de maio de 2009

Sinto falta...

Sinto falta de me sentar para ler um livro....
Sinto falta de passear à beira mar....
Sinto falta de conduzir até um destino de férias...
Sinto falta de me deitar ao sol e sentir o calor a inundar o meu corpo...
Sinto falta de ter tempo....
Sinto tanta falta......

terça-feira, 19 de maio de 2009

Amar (De)mais...

"Quando estamos numa relação com alguém a quem da forma mais natural e inusitada demos tudo o que temos de nós, a impensável possibilidade de não sermos felizes ao lado dessa pessoa é o tabu mais poderoso de todos.... Amar é algo tão estupidamente simples e maravilhoso, que não contemplamos sequer a possibilidade de deixar de amar.... E na entrega de todas as infimas partes que nos compõem vamos amando cada vez mais....
Mas.... a perfeição não existe.... na vida o caminho que percorremos nem sempre corresponde àquele que delimitamos no mapa da felicidade.... Existem caminhos que se separam... e invariavelmente deixamos de querer amar mais porque na perfidia da dor sentimos que amámos demais...
Seguimos em frente, não sem lamentarmos os actos que nos deixam as recordações que julgamos imortais...
Seguimos em frente, crentes que jamais iremos cometer o erro de amar novamente demais.... seremos mais prudentes....
Amar torna-se uma opção da qual tentamos fugir, receando a felicidade da entrega....
E será que é realmente possível não amar mais? De que forma emocionalmente plausível poderemos nos impedir de procurar a felicidade que nos motiva a caminhar?
Na verdade, não considero tais tentativas reais... inevitavelmente procuraremos a felicidade.... amar não se evita.... e a entrega não será minimamente menor apenas porque um dia a dor nos aconselhou a sermos prudentes....
Jamais amaremos demais... nem sequer a mais amarga das lágrimas nos tornará prudentes....
O verbo da felicidade vivida a dois não é nunca demais..."
4 de Dezembro de 2007

Vontade....

"No mais recôndito recanto da minha existência descubro a firme persistência em lutar pelas minhas metas....
O meu corpo liberta-se das desprezíveis vestes de prendem os movimentos....
No meu caminho encontro o amparo da luz e a força das águas..
Os meus passos inabaláveis encaminham-se na direcção do meu sorriso...
Subitamente livre das máscaras q ocultam o meu rosto, ergo o meu olhar até ao horizonte onde vislumbro a verdadeira natureza da felicidade..."

11 de Dezembro de 2007

segunda-feira, 18 de maio de 2009

E Julho???

.... 6 semanas.....
.... 7 testes.....
.... 4 relatórios.....
.... 2 apresentações de trabalhos...

e Julho??? Quando é que chegamos a Julho???

sexta-feira, 15 de maio de 2009

Em pecado....

Eu... estava a conversar com o Y e falamos desta coisa de se ser "ajuntados"....
Ela... ah pois é.... tu agora estás a viver em pecado...
tu sabias que estás a viver em pecado?
Eu... sim
Ela... e tu não tens vergonha?
Eu... eu não...
Eu e Ela... é que é tão bom viver em pecado!!!!
LOLOLOL.......

Gestões....

Hoje algures numa agradável conversa como uma amiga falou-se de dinheiros.... daquele que temos e do que gostaríamos de ter...
Ela como eu não sabe viver do que não tem.... fazemos a gestão daquilo que temos da melhor forma possível.... e não residirá aí o segredo para sobreviver neste tempo de crise...
Eu sei que farto-me de me queixar, mas tenho o privilégio de ter muito mais que a grande maioria das pessoas que vivem neste mundo que é o nosso... Como posso eu me queixar se tenho um emprego (ou melhor um trabalho).... se tenho algo que me permite pagar a prestação do meu boguinhas, pagar as propinas, pagar o combustível e mais uma série de outras coisas....
Não consigo deixar de esquecer a minha irmã a dar-me na cabeça cada vez que me queixo porque existem tantas pessoas que sobrevivem com metado do meu ordenado....
Então se eu não tenho direito a me queixar, qual é a dimensão da estupidez que alguém que tendo um rendimento consideravelmente superior ao meu entra em depressão porque não tem dinheiro para as férias.... será que essa pessoa espera que eu lhe pague todas as futilidades com que gasta o seu rendimento para que ela possa ir de férias?
Se existem tantos a viver, ou pelo menos a sobreviver com muito menos que eu, como podem outros não saber gerir o muito que têm?
Claro que eu gostava de fazer a minha viagem de sonho.... claro que eu não me importava de ficar hoje a dormir em casa em vez de ir trabalhar para poder ter o meu ordenado ao fim do mês... claro que eu gostava de comprar mais este ou aquele livro.... claro que eu me apetecia pegar em mim e voltar àquele cantinho para passar um fim-de-semana de descanso... claro que eu gostava de ter um fim-de-semana....
Mas não tenho....
Não tenho tantas coisas, mas felizmente tenho aquilo que me ensinaram.... a capacidade de viver com o que tenho...

quinta-feira, 14 de maio de 2009

Saint Peter...

Alguém viu por aí o senhor Saint Peter?
Acho que o velhinho já precisa de tomar a sua medicação para o Alzheimer.... é porque esta chuva e este frio na primavera estão a ser pouco simpáticos....
Saint Peter?
Where are you?

Tempestade...

"Perdida em ti oiço o mundo a desabar para além destas nossas paredes...
A chuva tamborilha na janela marcando o passo da nossa entrega...
O vento sopra ameaçando todos os mundos, a sua cólera revelada por não conseguir alcançar o nosso mundo...
Nos teus braços descubro o calor destes mantos que nos cobrem e nos protegem....
Com o teu sorriso pedes-me o meu mundo e eu entrego-te o meu mundo e todo o universo em nosso redor....
Lá fora o universo conspira.... mas nós ignoramos os seus gestos na certeza do presente partilhado e do futuro prometido....
Ao ritmo da imtempérie descobrimos os prazeres que o vento sussurra..."

3 de Janeiro de 2008

quarta-feira, 13 de maio de 2009

A inércia....

O ser humano é naturalmente insatisfeito...
E numa época em que a situação geral não é propriamente a melhor é perfeitamente normal que nos sintamos ainda mais insatisfeitos... no entanto algo que não compreendo é a inércia que ataca incontáveis pessoas, que a única coisa que parecem saber fazer é se queixarem....
Será que estão à espera que a solução para os seus problemas lhes caia no colo?
Na verdade sei que não existem soluções perfeitas.... mas será que se nos dermos ao trabalho de procurar as nossas soluções não iremos conseguir vencer a insatisfação....
Claro que aquilo que funciona para uns não irá propriamente funcionar para outros... mas se ainda nos resta a liberdade, porque não a usar para lutar pela nossa vida ao invés de nos acomodarmos ao que a vida nos dá....
Porque parados não vamos a lado nenhum.... e que tal nos pormos a andar?

terça-feira, 12 de maio de 2009

Perguntas...

Será que é o medo que nos leva a agir?
Não poderemos nós ser motivados por alguma outra coisa?

segunda-feira, 11 de maio de 2009

Ahhhhhhh....

X.... mas onde é que o senhor vai? Você não se pode levantar!
Senhor Y.... é por causa das águas?
X.... deite-se lá... você não se pode levantar...
Senhor Y.... mas é por causa das águas...
..... rebentaram-me as águas...
X.... Ahhhhhhh...............

sexta-feira, 8 de maio de 2009

Absurdos...

Ela... "A minha pergunta é se existe algum tipo de sanção para os países que fazem caça à baleia para além dos limites estipulados pela CBI (Comissão Baleeira Internacional)?"

Comissionário Português da CBI.... "Uma palmadinha nas costas....."

Ele... "Se o Japão caçasse a última baleia azul existente no planeta e alegasse que era para fins cientifícos não aconteceria nada."

..............

Pergunto-me porque é que nos chamamos seres humanos?????

quarta-feira, 6 de maio de 2009

Ontem...

Eu estava a passar de carro naquele lugar tão banal e vi-te....
Vi-te a ti com aquele olhar doce que tanta falta me faz....

Lá ias tu com o teu passo ligeiro... perdida em ti e naquilo que faz parte de ti...
Naquela fracção de segundo em que olhei pelo espelho renasceu a mim a saudade...
Naquele breve instante recordei todos estes meses que passaram desde que foste....

Sinto a tua falta minha doce A.....

Ontem vi-te....

terça-feira, 5 de maio de 2009

Perguntas...

Será a ambição um defeito?
Qual é o problema em querermos mais e melhor?

segunda-feira, 4 de maio de 2009

Perguntas...

Qual é o interesse que existe nas coisas perfeitas?
Se o que nos motivas é a busca de perfeição, o que acontecerá quando a atingirmos?

sábado, 2 de maio de 2009

O salto....

Frequentemente na nossa vida temos que efectuar opções....
De uma forma mais ou menos facilitada optamos por este ou aquele caminho, mas ainda assim, mais cedo ou mais tarde, acabamos por ser novamente assaltados dúvidas....
Será as nossas opções foram as correctas....
Pessoalmente, considero que não estamos a questionar a nossa opção... mas simplesmente o incerto e desconhecido futuro...
É que por um motivo ou por outro, escolhemos saltar em direcção ao abismo, e não será apenas normal que durante o salto nos questionemos sobre o que nos espera lá em baixo....

quinta-feira, 30 de abril de 2009

Olha aqui...

"Oh T. chega aqui sff..
Olha aqui para o meu dedo.
Está partido?"
.........
Hei mas eu lá sou ortopedista?
Eu nem sequer tenho visão Rx...
.........

Procura-se...

Folga perdida....
Pensa-se andar algures na companhia do tempo livre....
Eventualmente acompanhados ambos por horas para dormir...
Favor de quem encontrar encaminhar para estes lados....

terça-feira, 28 de abril de 2009

Perguntas...

Será que é realmente o passar do tempo que determina a nossa idade?

segunda-feira, 27 de abril de 2009

Num instante....

"Tenho que ir...
Vais ver que passa num instante e daqui a nada eu já aqui estou...
Até já..."
Dizem que as pessoas normais têm um horário fixo... daqueles em que todos os dias as pessoas começam a trabalhar pela manhã cedo e terminam o seu dia de trabalho algures a meio da tarde....
Nos tempos em que estudava, e prevendo o que seria a minha futura vida profissional, não me fazia qualquer confusão pensar em ter horários diferentes da grande maioria das pessoas... nunca me preocupou essa faceta da minha profissão....
Mas hoje.... hoje são tantos os dias em que sair pela porta é uma cruel necessidade....
Como posso eu não me sentir cruel quando não dou aqueles que amo a atenção que eles merecem.... e então nasce a inveja daqueles que têm o privilégio de saber o que são fins-de-semana... inveja que se multiplica nas noites em que ao invés de ficar a saborear a companhia daqueles com que partilho a vida, saio pela porta para ir trabalhar mais uma noite....
Não deixa de ser curioso como ao longo do tempo as nossas vontades e necessidades vão mudando.... É curioso como num momento desejamos algo, para mais tarde vermos que o que escolhemos para nós não nos trouxe nada daquilo que imaginariamos....
Não podemos mudar o passado.... mas como podemos nós mudar as consequências das nossas opções...
Em tempos não queria ser como as pessoas normais.... hoje apenas queria ser um pouco mais normal....
Será um absurdo desejar ter os fins-de-semana.... desejar poder estar livre para conviver como aqueles que amo....
Será?
.......
São tantos os instantes em que eu tenho que sair... tantas as promessas que voltarei.... e eu volto.... mas seria tão bom apenas ficar....

sexta-feira, 24 de abril de 2009

Para trás...

Na nossa vida acontecem coisas que nem sempre conseguimos explicar...
Em alguns momentos nem sequer percebemos a importância das coisas que acontecem em nosso redor... e é quando olhamos para o passado que surgem as dúvidas e as incertezas...
Ao longo da minha vida sempre senti que preferiria me arrepender daquilo que fiz do que deixei por fazer...
Mas quando olho para trás o que mais me causa angústia e não compreender os gestos dos outros...
Lá atrás muitos foram os momentos em que procurei naqueles que amava a resposta para os seus gestos incongruentes...
E agora continuo sem compreender estou ou aquele gesto... Esta ou aquela certeza que tinha e que o passar do tempo veio me mostrar que não era bem assim....
No passado ficaram pessoas que foram tão importantes para mim que hoje não consigo compreender o porquê de um afastamento sem uma palavra...
Como se pode justificar a partilha de tantos momentos importantes com alguém que hoje me é completamente estranho...
Ao longo da nossa vida é normal que nos vamos cruzando com uma multiplicidade de pessoas, cuja importância se desvanece com o passar do tempo... Mas terão elas sido efectivamente importantes?
Dizem, e eu concordo, que devemos viver a vida olhando em frente... Mas como podemos esquecer tudo o que ficou para trás?

Perguntas...

Se a morte faz parte da vida porque a tememos assim tanto?

quinta-feira, 23 de abril de 2009

Viagens...

Nos últimos tempos penso em viagens umas milhentas vezes por dia...
E não... não é daquelas viagens que fazemos daqui até ali... as viagens para o local de trabalho... as viagens até à escola....
Ando a salivar só de pensar em me meter num avião e ter como destino um qualquer país distante....
Sim... é o que nós chamamos de férias... aquela coisa maravilhástica que pode implicar umas quantas horas de avião....
Aquelas viagens que nos levam a locais desconhecidos...
Um dia ouvi uma piquena a dizer que quando fosse grande queria ser turista... Eu também não me importava nada....
Mas quem me mandou a mim ter uma profissão que me proporciona um orçamento tão curto para tudo o que quero fazer...
Quem me mandou a mim ocupar o pouco tempo livre que tinha com mais uma licenciatura, que não só me exige tempo como uns quantos trocos...
Eu sei que a inveja é uma coisa feia, mas se há algo que me deixa com um certo prurido na alma é ouvir alguém a falar da viagem que fez a este ou aquele destino fantabulástico...
Já perdi a conta à quantidade de países que gostava de conhecer...
Já perdi a conta aos sitios que me fazem desejar ser turista profissional....
..........
Alguém sabe me dizer como é que posso ser turista profissional???

quarta-feira, 22 de abril de 2009

Perguntas...

É só a mim que me irrita profundamente quando as pessoas são demaisado simpáticas?
Serei só eu a sentir "alguma" falsidade quando se é demasiado simpático?
Serei só eu a perceber a falta de competência que se tenta esconder com sorrisos?

terça-feira, 21 de abril de 2009

Lucky

Do you hear me,
I'm talking to you
Across the water across the deep blue ocean
Under the open sky, oh my, baby I'm trying
Boy I hear you in my dreams
I feel your whisper across the sea
I keep you with me in my heart
You make it easier when life gets hard
I'm lucky I'm in love with my best friend
Lucky to have been where I have been
Lucky to be coming home again
They don't know how long it takes
Waiting for a love like this
Every time we say goodbye
I wish we had one more kiss
I'll wait for you I promise you, I will
I'm lucky I'm in love with my best friend
Lucky to have been where I have been
Lucky to be coming home again
Lucky we're in love every way
Lucky to have stayed where we have stayed
Lucky to be coming home someday
And so I'm sailing through the sea
To an island where we'll meet
You'll hear the music fill the air
I'll put a flower in your hair
Though the breezes through trees
Move so pretty you're all I see
As the world keeps spinning round
You hold me right here right now
I'm lucky I'm in love with my best friend
Lucky to have been where I have been
Lucky to be coming home again
I'm lucky we're in love every way
Lucky to have stayed where we have stayed
Lucky to be coming home someday